Quais tempos? Eis que me vejo numa crise brava de tendinite e com uma dúvida cruel: serei jovem ou estarei ingressando na ‘melhor idade’?

Dizem que a tendinite é uma doença – ou sintoma – dos tempos modernos, quase sempre associada ao uso constante do mouse e do teclado. Então, concluo: sou uma pessoa moderna, atualizada, e portanto jovem (?!), bom, jovem de espírito pelo menos..

Por outro lado, quando ficamos com mais idade as articulações e fluidos do nosso corpo vão secando, vamos entrando na era de Vatha – numa visão da medicina ayurvédica, é hora de ‘azeitarmos’ a pele, as juntas, todo nosso corpo, inclusive a cabeça.., pois dizem que até mesmo o cérebro vai secando, encolhendo, tipo uma ameixa seca, manjam? 

Ah, então é por isso que os indianos andam com aquele cabelo lambuzado, brilhando, oleoso, e a gente acha que é falta de banho!  Nã na ni na não…, eles estão é cuidando do cérebro!!!

Se olhar desse ponto de vista, a idade começa a pesar…inda mais eu, aposentada, ontem me vi na Caixa Econômica, na fila do PIS/PASEP !!!?? Alguém sabe o que é isso? Não me perguntem o que significa – a associação é com algo extremamente burocrático, velho e me remete às inúmeras siglas que o governo inventa para bicar um pouco do nosso salário devido. Em termos práticos, foi legal. Descobri que tinha um pouco de dinheiro para retirar, que pode nos render uma ou duas viagens, dependendo do destino..hehehe

Bom, voltando à vaca fria: na dúvida, estou de molho, como o acupunturista recomendou, e comecei a esfregar óleo em tudo que é junta…hehehe, joelho, cotovelo, ombro, quem sabe ajuda?  O duro é ter que controlar o desejo de bordar, ceramicar e escrever.  Ontem até deixei de dançar, ora vejam! 

Mas isso passa, tudo passa, só nós não passamos.  Nossa alma está sempre atenta, aqui de plantão. Acho que vou aproveitar essa chuvinha para atualizar minhas leituras, quem sabe ver um filme?

Bom outono pra vocês!!! Êta preguicinha boa…Bjs.

Anúncios