Proponho uma revisão daquele ditado creditado a Lavoisier: eu diria ‘NADA SE CRIA, TUDO SE RE-CRIA’. Pois por mais que você ‘copie’ ou se ‘inspire’ em alguma obra de arte ou criação alheia, você está recriando-a segundo sua ótica, seu ponto-de-vista, sua experiência e vivência.  Como diz uma amiga minha, a gente não copia, mas faz uma ‘releitura’..

Sempre pensei nessa história de direitos autorais, acho complicado e até relativo…  Quando faço um questionário ou um roteiro de moderação, tenho direitos autorais sobre ele? NÃO. Há tempos que desisti disso, de esconder questionário dos outros, até dos clientes, com receio que copiassem..e daí? Foi assim que aprendi a fazer, lendo e ‘copiando’ partes de questionários de outras pessoas, não apenas copiando, mas pensando em cima daquilo, tentando melhorar, adaptar a cada situação.. Decidi que se um cliente quiser trabalhar comigo, vai ser pelo meu valor, por características exclusivas minhas, que essas ninguém pode copiar. Existe um limite muito estreito entre uma cópia grossseira e uma ‘releitura’ onde se adiciona a criatividade própria, é preciso distingui-las..

Entendo o processo de criação como 90% de pesquisa, de um processo de alimentação do cérebro, através de leituras e exposição a estímulos externos, fotos, músicas, quadros, etc.  Do restante, acredito que 9% vem de alguma mistura desses estímulos, usando sua criatividade, e apenas 1% – ou talvez menos – é puro insight, daqueles que descem do ‘céu’, quando brilha aquela luzinha do Prof.Pardal.. (se vc tem mais de 50 anos sabe de quem estou falando!)

bijoux cerâmica por VANVANETCBom, todo esse prólogo pra falar que a Globo me copiou!!!!! Quero registrar aqui, pra depois eles não falarem que fui eu quem os copiou… Vocês assistem à novela Passione? Já viram um pássaro que a atriz Maitê Proença traz, pendurado ao pescoço? Parece uma jóia, daqui a pouco vamos vê-lo na vitrine de alguma joalheria que deve estar fazendo merchan na soap-opera global.  Mas, em dezembro de 2009 postei no meu flickr algumas bijoux de cerâmica, e entre elas, adivinhem: um pássaro I-GUAL-ZI-NHO ao da Maitê!

Então, os direitos autorais sobre a forma são meus?? Bom, podemos negociar…rsrsr. Uma querida amiga do RJ – a Cuca – já tratou de me encomendar alguns pássaros para presentear as amigas. Aí me animei, e saí fazendo um bando!!

Anúncios